Criação de uma via gastronômica é a mais nova aposta de Glaycon Franco para o desenvolvimento da região

Itaverava e cidades vizinhas têm potencial para formarem, juntas, um poderoso complexo turístico e gastronômico, atraindo visitantes de todo o País e consolidando, desta forma, um importante polo gerador de emprego e renda.

A tese vem sendo defendida há muito tempo pelo deputado estadual Glaycon Franco, que parte agora para transformar a ideia em ações concretas. O primeiro passo foi a realização de uma reunião em Itaverava com os empresários do ramo, que foi realizada com sucesso. O deputado conseguiu viabilizar a realização, em 4 de julho, de um fórum que reuniu, em Belo Horizonte, na Assembleia Legislativa, empresários locais e de cidades próximas, a diretora do Departamento de Turismo de Lafaiete e atual presidente do Circuito Villas e Fazendas, Clarissa Alves, a Secretária de Cultura de Itaverava, Tatiana Rezende, e o secretário estadual adjunto de turismo de Minas Gerais, Gustavo Arraes, entre outras autoridades.

O prefeito de Itaverava, José Flaviano (Nô), que também participou da reunião, saudou o deputado Glaycon Franco pela iniciativa e também ressaltou as potencialidades turísticas e gastronômicas da região: “Itaverava tem muitos restaurantes de qualidade e a criação de um circuito gastronômico na região significará uma melhoria muito grande para nossa cidade. Esta reunião marcou o início do projeto, que tem tudo pra dar certo e alavancar o nosso crescimento econômico”, declarou o prefeito.

Já no dia 9 de julho, foi realizada, em Itaverava, uma reunião entre os integrantes para ajustes no procedimento do grupo, tendo sido sugeridos membros para compor a diretoria da entidade e foi lançado um manifesto.

O deputado Glaycon Franco já está trabalhando para a formação de uma associação dos integrantes do empreendimento turístico e para dar continuidade à formação da via. Segundo ele “… é uma excelente oportunidade para garantirmos o incremento do turismo local. O fortalecimento desse núcleo gastronômico gerará emprego e renda, beneficiando toda a cadeia turística e cultural, além de aquecer de forma significativa, a economia.”

Admin Autor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *