Possível suspensão de tempo integral nas escolas estaduais preocupa deputado Glaycon Franco

O deputado Glaycon Franco está solidário aos pais de alunos diante da possibilidade de suspensão das aulas em tempo integral na rede estadual de ensino. O parlamentar disse que acompanha de perto as discussões sobre o assunto e atua ativamente em defesa da manutenção dos estudantes o dia inteiro nas escolas que já implantaram este sistema: “Tão logo tomamos conhecimento da intenção do Governo Estadual de reduzir o número de escolas que oferecem aulas em tempo integral, nos preocupamos profundamente, pois sabemos que a maioria destas escolas funcionam em áreas socialmente vulneráveis. Imediatamente, entrei com requerimento pedindo a realização de audiência pública para tratarmos deste assunto na Comissão de Educação da Assembleia Legislativa. Fui até à presidente da comissão, deputada Beatriz Cerqueira, que nos tranquilizou bastante ao confirmar que está agendada uma audiência para esta quarta-feira, dia 10 de abril, para debater o problema”.

Logo que soube da confirmação da audiência, a primeira providência de Glaycon Franco foi mobilizar as entidades educacionais da região: “Já entrei em contato com a Superintendência Regional de Ensino para que esta envie representantes e, juntos, possamos discutir e encontrar uma solução negociada. De antemão, me declaro totalmente contra o fim das aulas em tempo integral nas escolas estaduais que já oferecem o contraturno a seus alunos. Não poderia concordar, sabendo da importância da escola em tempo integral, principalmente, se levarmos em conta os objetivos que nortearam a implantação deste sistema, ou seja: atender às regiões de vulnerabilidade social, onde os pais e mães precisam ter a tranquilidade de saber que os filhos continuam estudando, com segurança, alimentação e bem-estar garantidos, enquanto eles estão no trabalho, na maioria das vezes, distantes de casa”, afirmou o deputado.

Glaycon Franco ainda acrescentou que está inteiramente engajado na luta para que o Governo de Minas não concretize a intenção de reduzir ou mesmo acabar definitivamente com as aulas em tempo integral nas escolas estaduais.

 

Admin Autor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *