População desaprova o aumento da passagem de ônibus em Conselheiro Lafaiete

A partir desta segunda feira (24) a passagem de transporte coletivo municipal em Conselheiro Lafaiete passará de R$3,00 para R$3,30, graças ao decreto municipal n. 452 assinado pelo prefeito Mário Marcus.

Desta vez a forma como se deu ao aumento foi diferente do modo como era tratada a questão nos últimos anos, quando o Conselho Municipal de Transportes sugeria um valor e convocava a população para o diálogo que ocorria sempre na Câmara Municipal. Desta vez a Prefeitura Municipal assumiu a responsabilidade e editou o decreto n. 452 autorizando o aumento, que ocorre em meio a desconfiança da população que questiona o serviço prestado pela concessionária de serviço público que neste ano já foi notícia em situações de acidente com seus veículos e também em deixar a população na mão com a quebra constante de seus carros durante o trafego com os cidadãos lafaietenses.

A reportagem da Tv Lisboa esteve nesta tarde para ouvir a opinião dos usuários do transporte público municipal que dentre os que não quiseram gravar e os que gravaram foram unanimes em afirmar que o aumento da passagem é injusto.

Segundo Adriana Aparecida de Souza, servidora pública estadual, “o serviço ela não tem nada a reclamar porque se olhar horário a gente com certeza vai pegar o ônibus no horário certo é só olhar os horários direitinho, mas quanto ao preço da passagem é um absurdo porque três reais já está muito caro, R$3,30, é um absurdo não é? Ainda segundo Adriana o valor é injusto, pois Lafaiete é uma cidade muito pequena para R$3,30, ela acha um absurdo, mais 0,30 centavos faz a diferença”, finaliza a servidora pública estadual.

Já a dona de casa Nayara de Souza, “o aumento não é justo, ela não concorda mesmo. Ela que usa frequentemente o transporte público relata que já presenciou pessoas caindo dentro dos veículos, como também deficiente físico que não pôde utilizar o transporte porque o veículo estava quebrado para esse tipo usuário, ela reprisa que não concorda com o aumento, pois o valor é muito injusto, que eles pagam um preço que não compensa em Lafaiete, é muito caro. Para ela o decreto 452 foi um erro, pois vários trabalhadores precisam utilizar o transporte público, porém ninguém foi até eles fazer uma pesquisa para saber o que eles pensam sobre a situação dos ônibus, pois está muito precária a situação dos ônibus”, desabafa a lafaietense.

O pedreiro Fernando Oliveira, relatou que “o aumento vai penalizar a população, segundo ele a passagem não pode aumentar para R$3,30 pois não compensa, não vale a pena, pois a prestação de serviço não está muito boa, os ônibus estão muito ruins, está muito ruim mesmo, a qualidade está muito péssima, eles deviam é abaixar a passagem, porque está muito ruim, não tem qualidade boa”, questiona o construtor.

O lafaietense Hélio Cristiano, afirma que “a população anda muito pouco de ônibus, pela rota que faz. Segundo ele a passagem está bem cara. Ele considera um absurdo o aumento da passagem, pois vai prejudicar quem trabalha na rua. Ele considera o aumento injusto, pois há superlotação, ônibus quebrando, os horários não batem e atrasos” declara o popular.

Estas entrevistas você poderá acompanhar na integra no canal da Tv Lisboa. Não deixe você também de participar manifestando a sua opinião sobre o aumento da passagem do transporte coletivo urbano em Conselheiro Lafaiete, que a partir desta segunda feira será de R$3,30.

 

Admin Autor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *