Glicose conquista o sétimo título do Torneio de Férias Feminino em Congonhas e anuncia descanso em 2020

O Glicose conquistou o heptacampeonato do Torneio de Férias de Futsal de Congonhas na categoria feminino em oito edições realizadas, após vencer o Itacolomy por 4 a 0 na noite nesta sexta-feira no Ginásio Poliesportivo do Nova Cidade. Gols de Ariane (2 gols), Fernanda e Camila (1 gol), marcados na etapa inicial. Na segunda, o Itacolomy acertou a marcação e sofreu somente um. O Glicose, que dominou o jogo todo, teve ainda artilheira da competição, Fernanda Fung com 15 gols; a goleira menos vazada, Jhenifer Camargo; e a melhor jogadora do torneio, Ariane, que atua no Atlético de Madrid, da Espanha, escolhida por voto das equipes, coordenação do torneio e imprensa.

A artilheira da competição, Fernanda, agradece ao Glicose pelas oportunidades que deu a ela até agora. “A gente as abraça da melhor maneira. Conquistar este prêmio individual é sempre gratificante, mas mais importante é o 1º lugar, é o que vale mais”, afirmou.

 

Melhor jogadora este ano, Ariane havia sido a artilheira do torneio em 2018, também pelo Glicose. Apesar da carreira internacional, diz que “é um privilégio ser a melhor jogadora, porque cada equipe tem jogadoras muito boas, pra mim é gratificante ter meu trabalho reconhecido pelas companheiras, outras equipes e imprensa e demais pessoas que acompanham o Torneio Feminino”.

Ela passa férias no Brasil, mas já tem data para retornar à Espanha. “Dia 6 de agosto, volto para o Atlético de Madrid, estou curtindo a cidade, conhecendo novas amigas, Congonhas que é muito bonita, fui ao Parque da Cachoeira e a Basílica e é tudo muito lindo”, completou.

Fundador e dirigente do Glicose, Fabrício Vieira (Chocolate) lembra que o trabalho do Futsal Feminino do Glicose começou em 2013, um ano após ter sido criada esta categoria no Torneio de Férias. “De lá para cá, conquistamos todos os sete títulos em disputa. Há uma equipe responsável por este trabalho, envolvendo nós da diretoria, treinadores, jogadoras, familiares, pessoal que filma os jogos para corrigirmos os erros. Este título veio para coroar nosso trabalho dentro e fora da quadra, as meninas têm postura durante os jogos, antes e depois deles, escolhemos cuidadosamente quem joga no Glicose”, avaliou, o dirigente que a proveitou o final da decisão para anunciar o provável descanso da equipe na competição de 2019 para dar um alívio a todos os envolvidos com a equipe, que disputa ainda diversos outros campeonatos. Fabrício prometeu retornar em 2021 para lutar pela conquista do octacampeonato.

Luísa, do Itacolomy, ficou feliz com o desempenho de sua equipe, que é a base da Seleção de Congonhas. “Conseguimos ter um bom desempenho na final, principalmente se compararmos o nível das adversárias e o nosso, que somos amadoras. Depois que acertamos a marcação, demos aperto sim na etapa complementar, foi um grande jogo”.

O Torneio de Férias segue nesta segunda-feira com a semifinal da Série Ouro. Itacolomy e Kaus jogam às 19h, Ouro Preto e Portela, às 20h.

Na próxima quarta-feira, será a vez da semifinal da Série Prata. Lukense e Suma, às 19h, e Jacaloucos e Kosmos às 20h.

As finais acontecem na próxima sexta-feira, a partir das 19h.

 

Admin Autor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *